Pre_Lauriete (3)

Lauriete

Em 2012, a TdB começou a desenvolver, em parceria com a Amil Dental, o projeto Apolônias do Bem, que proporciona tratamento odontológico gratuito a mulheres vítimas de violência. Inicialmente, o projeto atendeu mulheres em São Paulo e, nos anos seguintes, Rio de Janeiro e Espirito Santo.

Com o aumento de pedidos de ajuda, a TdB decidiu expandir o projeto para outros estados com a ajuda dos dentistas voluntários da rede e não somente profissionais cadastrados da Amil Dental. Atualmente, o programa já atendeu mais de 600 mulheres.

Por que Apolônias?

Personagem histórica, Apolônia viveu em Alexandria e morreu em 249, após ser presa, espancada e ter seus dentes quebrados e arrancados. Com o projeto, a TdB leva assistência odontológica para as apolônias de hoje, que também estampam a marca da violência em seus rostos.

Como se tornar uma apolônia?

1. Ao entrar em contato com a TdB ou com um voluntário e pedir o tratamento. Será solicitado um B.O. (Boletim de Ocorrência) da agressão sofrida, posteriormente, ocorrerá uma entrevista (Skype ou pessoalmente) e o exame clínico.

2. Através de triagens em casas de apoio para vítimas de violência realizadas pela TdB.

3. Através de triagens com mulheres provenientes dos Tribunais de Justiça ou Comissões Especializadas dos Tribunais, segundo o protocolo firmado por cada parceria.

Seja um dentista de uma Apolônia!

Seja você é um cirurgião-dentista e quer ajudar mulheres vítimas de violência a voltarem a sorrir, atendendo gratuitamente em seu consultório, preencha o formulário, assine e encaminhe (digitalizado por e-mail, fax ou Correio) para a TdB.

apoloniasdobem@tdb.org.br
Rua Sousa Ramos, 311 – Vila Mariana – São Paulo/SP
Cep: 04120-080 – Telefone: (11) 5084-7276/ Fax: 5084-1399

 

 

patrocinador

apoio

HeraeusKulzerSIN 

apoio institucional