Com a consciência de que os milhares de atendimentos promovidos pelo projeto Dentista do Bem não resolverão o problema da falta de acesso à odontologia, a TdB está  ampliando seu campo de atuação no Brasil.Alinhada à missão de transformar a percepção da sociedade sobre a questão da saúde bucal, promovendo soluções de acesso a tratamentos odontológicos, a organização trabalha agora para também impactar políticas públicas na área da odontologia. E isso não significa apenas garantir acesso a tratamento odontológico de qualidade. O problema começa antes disso: parte da população não tem sequer acesso ao kit de higiene bucal (escova, pasta e fio dental).

Por isso, o objetivo é ir além do trabalho curativo desenvolvido pelos Dentistas do Bem: mostrar o problema, abrir os olhos da população, colocar o tema em pauta e pressionar os políticos a fazer alguma coisa.

 

Pacto dos Prefeitos

A primeira ação coordenada na área foi uma mobilização no Brasil, na qual os coordenadores do projeto Dentista do Bem propuseram aos prefeituráveis de seus municípios a assinatura de um pacto em favor da saúde bucal: o Pacto dos Prefeitos.

Trata-se de um compromisso moral, documentado e fotografado, pelo qual o político se compromete a desenvolver e aprovar leis que garantam a universalização do acesso à odontologia, tanto curativa quanto preventiva, em suas cidades.

Resultado: Ao todo, 240 candidatos de 109 municípios aderiram ao movimento. Um número que, caso se reverta em ações práticas em todas as cidades, pode beneficiar mais de 33 milhões de usuários do SUS (Sistema Único de Saúde).

 

Projetos de Lei

Outra ação que vem sendo desenvolvida é a proposição e aprovação de dois projetos de lei idealizados pela TdB no Brasil, ambos tratando da universalização do kit de higiene bucal.

Ao todo, em oito cidades brasileiras um ou mais projetos já estão em execução. Isto garante um impacto direto em mais de 200 mil pessoas. Além disso, em 11 cidades um dos projetos de lei já foi sancionado, aguardando agora entrar em execução.