Antigo ou atual!

Pensando sobre os protestos que estão acontecendo no Brasil atualmente, me lembrei de quando ingressei na Universidade.
Pode parecer jurássico, talvez seja mesmo, pois faz muito tempo, foi em 1975.

Jurássico ou não, é tudo muito parecido, fiquei até com saudades.

Pois vou explicar: Em 75 quando ingressei na Universidade Federal de Uberlândia- MG, a Universidade como o nome diz era Federal.
Mas para surpresa de todos o curso de Odontologia era pago. Ninguém sabia como e nem porque, mas tínhamos que pagar e não era barato.

Como assim? Universidade Federal e pagamos?

Estudamos muito para ingressar lá, pois naquela época também não era fácil passar no vestibular em Universidade Federal. Todas as turmas anteriores reclamavam, mas pagavam. Minha turma, talvez por ser mais pobre ou mais politizada, não sei bem o motivo, resolveu se unir e protestar… e também não pagar, afinal estudávamos em uma Universidade Federal.

Fizemos greve, reuniões, protestos, xingamos os políticos, exatamente igual está acontecendo hoje no Brasil, com apenas um diferencial pacífico, sem tumultos e com muita firmeza de propósitos.

Acredito que a maioria dos participantes de hoje também são assim, mas como são protestos de maiores dimensões sempre vai aparecer uns sem noção. Estou torcendo para que todos tenham noção e muita firmeza de próposito e continuem se unindo e protestando, pois somente assim o Brasil pode melhorar.

Governantes corruptos sempre existiram, e infelizmente acho que sempre vão existir, pois no meu caso jurássico, ninguém sabia onde iria parar nosso dinheiro em uma Universidade Federal. Mas éramos tão convictos que algo tinha que mudar, que aguentamos firmes todas as pressões, até ameaças de prisão.

Mas como sempre que a juventude tem propósitos corretos e honestos as coisas mudam. Sabe o que aconteceu? A Odontologia se tornou realmente Federal dentro da Universidade Federal de Uberlândia.

Faz muito tempo isto, mas ainda me vejo dentro dos protestos atuais. Temos que fazer nossa parte sempre!

 

Selma Rocha Santos
Coordenadora de Curitiba /PR