Denuncie

 

Uma matéria sobre “licitações”, que passou no Fantástico de domingo (18/03), me chamou bastante a atenção.

Licitação é o procedimento administrativo para contratação de serviços ou aquisição de produtos pelos entes da Administração Pública direta ou indireta. Mais precisamente, uma concorrência. No Brasil, licitações de entidades que façam uso de verba pública são reguladas pela lei.

Na matéria, as empresas fornecedoras se unem para fraudar a disputa. A que quer ganhar paga uma porcentagem do total do contrato para as demais, que entram na concorrência com orçamentos mais altos (ou seja, entram para perder). Desta forma, elas conseguem ser “escolhidas” e, com o tempo, desviar uma parte do dinheiro.

Eu me pergunto: qual poder tem uma denúncia?

Após esta denúncia, não se parou mais de comentar sobre as fraudes de licitações. Virou notícia não só na Globo, mas em outras emissoras também, umas voltadas para licitações e outras para outros meios de desvio de dinheiro.

Está mais do que na hora das pessoas começarem a denunciar mais, lutar mais por seus direitos, “botar a boca no trombone”, até mudarmos de uma vez por todas essa corrupção que acontece bem debaixo do nosso nariz.

Um desvia um pouco aqui, outro desvia um pouco ali, e quando vamos ver, isso se torna MILHÕES, ou até mesmo BILHÕES por ano. E esse não é um dinheiro qualquer. É o nosso dinheiro, que deveria estar sendo usado para nosso benefício.

Com uma denúncia dessas, temos que tomar coragem e não deixar este assunto, assim como outros, terminarem em pizza. O poder de uma denuncia é grande. Mas quando se trata de um assunto que envolve corrupção, temos que nos unir para não deixar a denúncia cair no limbo e, assim, lutarmos para um país mais honesto.

 

Manoel Araujo
Beneficiário do projeto DENTISTA DO BEM de São Paulo/SP