Ensinamento e aprendizado

“LEI Nº 7.352, de 28 de agosto de 1985 – Institui o Dia Nacional do Voluntariado”. Lei instituída para reconhecer e destacar a ação das pessoas que doam tempo, mão de obra e talento para causas de interesse social e para o bem da comunidade.

Desde que conheci a Turma do Bem, em 2009, me apaixonei pela causa, e essa paixão aumenta a cada momento vivido com essa equipe maravilhosa e a cada ação compartilhada com esses 15 mil dentistas. Voluntários que realizam um trabalho com consciência, responsabilidade e comprometimento, que dedicam muito mais que parte do seu tempo, olham para a necessidade do outro e doam seus conhecimentos e experiências em benefício do todo, contribuindo de modo contínuo e duradouro, para ajudar quem necessita e melhorar a qualidade de vida da comunidade, tentando muitas vezes suprir a falta de investimento governamental.

Ser voluntário não é tapar buracos nem compensar carências, não é buscar fama nem oportunidades de riqueza, é uma oportunidade excepcional de praticar o bem e a solidariedade. É ter oportunidade de construir relações mais humanas, de fazer amigos, viver novas experiências, conhecer novas realidades. É dar o que se tem de melhor.

Fábio Bibancos, o maior voluntário de toda essa rede, sua visão é ampla e bela, pois tem um alcance infinitamente maior sobre o que acontece ao seu redor e se integra a estas condições sempre com muita entrega e determinação.

Ser voluntário é ensinamento e aprendizado!

Ana Carolina Massaro
Coordenadora de Marília/SP