Apenas um grão de arroz

Acho meus textos muitos ruins. Sem falsa modéstia. Sou muito falante, mas na hora de escrever… trava. Penso em mil coisas ao mesmo tempo. Quero escrever tudo e depois vou eliminando. Resultado: tempos depois, leio o texto que consegui produzir e tenho um surto. Conto até três e digo: Jakeline, você é dentista! Não é jornalista e nem escritora. E é muito boa essa sensação de autocrítica, pois é um sinal de evolução e maturidade. Claro que a produção textual está muito relacionada à leitura e não leio tanto quanto gostaria. Considero este exercício tão essencial quanto o alimento. E se é tão importante, gostaria que este texto pudesse alimentá-los, nem que fosse com um grão de arroz.

Para isto vou contar uma história que aconteceu na década de 80, uma época em que não existia uma preocupação e nem campanha da ONU contra o desperdício de alimentos, pois segundo pesquisa do Instituto de Engenharia Mecânica do Reino Unido (IMechE),quase metade da comida produzida no mundo é jogada fora. E boa parte desse desperdício, constatou a organização, acontece em casa.

Dona Ana era uma senhora de seus noventa e muitos anos, nada mesquinha e nem sovina, pelo contrário, muito generosa. Procurava sempre manter-se ocupada com alguns afazeres domésticos leves.

Certo dia, enquanto catava o arroz, sua filha a observava e notou que, vez por outra, escapava um grãozinho de arroz no chão. Dona Ana prontamente se reclinava e o colhia. A sua filha vendo o risco nos seus movimentos disse:“Mamãe, é apenas um grão de arroz que não fará falta nenhuma.”

A idosa pegou o grão de arroz com as pontas dos dedos e mostrando para a menina falou: “Filha, você sabe fazer um igual?”

Ela sorriu e respondeu: “Não, mamãe!” Dona Ana então completou: “Então não desperdice!”

Pequenas atitudes como esta da Dona Ana geram grandes mudanças. Claro que um grão de arroz isoladamente não faria falta alguma, mas o somatório de pequenos desperdícios resulta em toneladas de alimentos no lixo.

Jakeline Dantas Tavares
Coordenadora de Pelotas/RS