Sorriso do Bem 2018

Beatriz Adriana Villanueva, de Nanchital, México, foi eleita a Melhor Dentista do Mundo pela Turma do Bem. A revelação foi feita no dia 6 de novembro, na área externa do Hotel Palace, em Poços de Caldas (MG), durante o Sorriso do Bem 2018. Beatriz atua como voluntária do projeto Dentista do Bem desde 2015 e é a primeira latino-americana a ganhar o prêmio. Em sua cidade e região, apesar dos conflitos políticos permanentes, ela tem uma militância constante e muito significativa na Turma do Bem. A dentista mexicana atingiu um recorde de cadastro de dentistas e triagens, com um crescimento de 269% em relação a 2017. Além de Nanchital, ela coordena mais cinco cidades e trouxe mais duas cidades para o projeto de 2017 para 2018. E ainda fez 11 triagens fora da sua cidade natal e foi a única latina que conseguiu fazer captação de recursos.

Como todos os anos, a ONG revelou em premiação os 5 melhores dentistas do mundo, que este ano foram cinco mulheres. Além de Beatriz Adriana Villanueva, estão nessa lista: Bruna Thais Tedesqui, de São José do Rio Preto – SP; Telma Konishi, Araraquara – SP; Thassia Roberta Macedo, de Jaboatão dos Guararapes – PE; e Maria Cristina Souza, de Ubatuba – SP. As 5 dentistas foram escolhidas seguindo os seguintes critérios: maior número de atendimentos, número de triagens e quantidade de novos voluntários para a rede. São levadas também em consideração ações como captação de recursos e relacionamento com a mídia. Sorriso do Bem O evento promovido anualmente pela ONG Turma do bem desde 2006, aconteceu entre os dias 02 e 07 de novembro, em Poços de Caldas, Minas Gerais. Este ano foi abrigado por uma estrutura maior, o FIIS, Festival de Inovação e Impacto Social. O festival agregou o evento anual da Rede Folha de Empreendedores Socioambientais, o Sorriso do Bem, da Turma do Bem, e o Fórum Melhores Práticas para saúde no terceiro setor, da Alianza Latina.

O evento reuniu, além da rede de dentistas voluntários da Turma do Bem, líderes de organizações do terceiro setor, negócios sociais, investidores ligados a finanças sociais e grandes empresas.

Na programação da Turma do Bem destacamos o painel “Saúde para Todos” com o pesquisador da FIOCRUZ Rodrigo Stabeli que falou da importância do SUS para o Brasil e a necessidade de considerarmos a saúde como um bem social e não só ausência de doenças. Tivemos também a brilhante palestra do procurador federal da república Marlon Weichert, com o painel “Brasil pós-eleição: onde estão e para onde irão a democracia, a Constituição e os Direitos Humanos”.

Outra palestra de bastante impacto foi a do presidente voluntário da Organização, Fábio Bibancos. Numa apresentação multimídia, Fabio contou como se deu a formação da Turma do Bem e contextualizou, historicamente, sua trajetória, dissertando sobre todas as dificuldades de se ter uma ONG no Brasil.

A Turma do Bem apresentou ainda em primeira mão documentário dirigido pela atriz Lu Grimaldi, “Pedaços de Ana”. O documentário narra a história de Ana Claúdia, beneficiária do projeto Apolônias do Bem.

Também destacamos a participação da Denise Fraga numa Masterclass onde a atriz falou sobre o compromisso com o coletivo através de um depoimento pessoal que encantou a plateia e Rodrigo Lopez, ator e pesquisador que falou do “Amor na Grécia Antiga”.

O festival contou ainda com uma programação musical com shows de Renato Godá, a percussionista Lan Lahn e Tiago Abravanel que encerrou o evento.